Skip to content
Anúncios

Mais previsão de tempo para internet “banda fina”

sexta-feira, 12 março, 2010 @ 12:16 pm

Com a facilidade de internet a bordo, está cada dia mais fácil consultar a previsão de tempo durante a navegação. As previsões também estão cada vez mais confiáveis, as informações são apresentadas de forma sofisticada e, muitas vezes, até com animações.

O problema, como já falei aqui, é que isso acaba gerando um grande tráfego de dados e quando estamos navegando, nosso acesso à internet (via celular, rádio SSB ou satélite) normalmente é do tipo “banda fina”: leeento e com restrição de volume de dados.

Nesse caso, uma boa opção é usar um arquivo grib (GRIdded Binary), um formato comprimido utilizado pelos centros meteorológicos para armazenamento e troca de informações. Uma forma simples para obter esse arquivo e depois conferir seu conteúdo é o programa UGRIB. Depois de baixar e instalar o programa, usando sua interface bem amigável e, principalmente, sem estar conectado, você seleciona a região que quer consultar a previsão – fazendo um retângulo com o mouse num mapa -, define alguns parâmetros e filtros e aí simplesmente “aperta o botão” para baixar o arquivo grib.

Selecione a area desejada com o mouse, defina os parametros e baixe o arquivo GRIB

Clica aí para ver os detalhes.

Um metograma mostra, para uma posição escolhida, a quantidade de chuva, a pressão atmosférica, a velocidade e direção do vento Somente nessa hora o programa irá acessar a internet para baixar o arquivo grib correspondente que, dependendo dos parâmetros, é bem pequeno. Depois, o UGRIB abre automaticamente esse arquivo e te permite analisar detalhadamente os dados: curva de pressão, direção e velocidade do vento, chuva , animações do período selecionado e meteograma para uma posição escolhida com o mouse. Isso tudo sem ter que acessar a internet novamente. Mas o melhor vem agora:  tudo isso é grátis!Analise o resultado com o visualizador ou faça uma animação

Porém, e sempre tem um porém, o UGRIB não mostra uma informação a meu ver muito importante: o estado do mar. Coisa que uma próxima versão pode corrigir.

Anúncios
4 Comentários leave one →
  1. Ciça permalink
    sábado, 13 março, 2010 @ 12:37 pm 12:37 pm

    Mara,
    Super explicado e desmonstrado nas figuras. Parabéns pela matéria!!!
    Agora com o TXAI IV saindo do píer (finalmente!!!) é bom ter essas dicas p/ saber o tempo que virá.
    Beijos

    Curtir

  2. sexta-feira, 19 março, 2010 @ 10:55 am 10:55 am

    Boa matéria e aproveito a dica para pensar na acessibilidade do Marinas Brasileiras para esse tipo de conexão, a fim de facilitar e “acelerar” a consulta aos apoios náuticos para quem está à bordo.
    Bons ventos!

    Curtir

    • quinta-feira, 25 março, 2010 @ 10:33 pm 10:33 pm

      Anderson,

      Não entendi direito, mas bem vindo a bordo e bons ventos sempre,

      Curtir

      • quinta-feira, 12 agosto, 2010 @ 10:19 pm 10:19 pm

        Hélio, quis dizer que lendo o teu post percebi a necessidade de sites leves para esse tipo de conexão com a internet. Com isso eu e meus colegas do Marinas Brasileiras precisamos repensar o site para esse tipo de acesso também.
        Te convido a conhecer o nosso serviço em http://www.marinasbrasileiras.com.br, e, se possível, nos dar a honra da tua opinião sobre ele.

        Sou fã do estilo de vida que tu leva e acompanho frequentemente teu blog e a coluna na revista Náutica.
        Abraços, bons ventos!

        Curtir

Em que você está pensando? Deixe seu pitaco.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: