Skip to content
Anúncios

A coruja na cruzeta

terça-feira, 15 fevereiro, 2011 @ 11:57 am

VegaDentista

A Praia do Dentista, ou Ponta de Jurubaíba, na Ilha da Gipóia, é um dos mais concorridos points do turismo náutico no verão de Angra dos Reis. É uma mistura de paraíso dos lancheiros com praia de areia branquinha e água verde esmeralda. Uma beleza só.

Apesar de crawdeada, o Dentista é uma boa ancoragem. Mesmo com ventos moderados de Sudoeste, no cantinho da direita da praia, tem um certo abrigo. O ideal é chegar perto do fim da tarde, quando todos vão embora, e sair quando as primeiras lanchas e as escunas apinhadas de turistas começarem a chegar.

Como já estamos no fim da temporada, Mara sugeriu passarmos uma sexta-feira por lá e seguir para a Ilha Grande no sábado. Topei na hora, já que pretendia fazer uma foto tipo “antes e depois”: a praia cheia como de costume e depois vazia perto do pôr-do-sol.

Mais ao largo estava ancorado o Vega, um Cabo Horn 35 de charter da Angra Sail, com alguém fotografando a bordo, pois vez ou outra eu via o pipocar de um flash. Depois recebi e-mail de Aurélio Paiva, leitor aqui do blog, contando que estava por lá e que fotografou uma coruja na cruzeta do MaraCatu.

O Aurélio, que ainda não nos conhece pessoalmente, até pensou em fazer uma visita, mas achou que era inconveniente já que recebíamos outras pessoas (era o casal Ivan e Egle do Taai-Fung II, depois chegaram Dirlei e Cristina do Shiva, ambos Samoa 29 construídos de forma amadora).

Pô Aurélio, quando encontrar o MaraCatu por aí, se achegue homem! O cockpit é pequeno, mas cabe um montão de gente. Grato pela foto, mas celebridade!?! Menos Aurélio, menos…

Clique aí para ver a coruja na cruzeta.

MaracatuDentista

Anúncios
22 Comentários leave one →
  1. terça-feira, 15 fevereiro, 2011 @ 12:29 pm 12:29 pm

    Essa é a maior coruja que já vi.
    Abraços

    Curtir

    • sexta-feira, 18 março, 2011 @ 5:31 pm 5:31 pm

      Hugo,

      Não é tão grande assim, são só 1,71m vistos a uns 6 metros acima d´água.
      Vai ver que é por isso que aparenta ser enorme. Lá em Itu tem maiores.
      Bons ventos sempre,

      Curtir

  2. Joao Carlos permalink
    terça-feira, 15 fevereiro, 2011 @ 3:36 pm 3:36 pm

    A coruja estava grávida?

    Curtir

    • sexta-feira, 18 março, 2011 @ 5:35 pm 5:35 pm

      João,

      Que grávida que nada, é o vento homi!
      Quando você vier a Bracuhy, te mostro as outras fotos que o Aurélio me mandou.
      ET: tudo bem com seu barquinho, agora mais limpinho depois que Lu passou lá (até o mastro está brilhando!).
      Bonms ventos sempre,

      Curtir

  3. soum desconhecido permalink
    terça-feira, 15 fevereiro, 2011 @ 3:50 pm 3:50 pm

    curuja de barriga e careca…
    kakakakakakaka

    Curtir

    • sexta-feira, 18 março, 2011 @ 5:38 pm 5:38 pm

      soumdesconhecido,

      Aí já é demais. Só falta dizer agora que a coruja além de barriguda e careca… é vagabunda.
      Taí, só mesmo não tendo o que fazer pra ficar delirando aqui neste blog.
      Mas eu gosto, eu acho é pouco, eu quero é mais…
      Bons ventos sempre,

      Curtir

  4. terça-feira, 15 fevereiro, 2011 @ 3:54 pm 3:54 pm

    Grande Hélio;

    Você não esta mais na idade de fazer essas artes….rs…

    Abraços.

    Nehemias.

    Curtir

    • sexta-feira, 18 março, 2011 @ 5:39 pm 5:39 pm

      Nehemias,

      Você tem razão. Dizem que cheguei numa idade onde o trabalho já não dá prazer e o prazer começa a dar trabalho. Mas subir no mastro é mole, tem escadinha. O difícil são as outras coisas subirem (se é que me entende).
      Bons ventos sempre,

      Curtir

  5. terça-feira, 15 fevereiro, 2011 @ 4:30 pm 4:30 pm

    Olá Helio e Mara …tambem somos leitores do seu blog e tambem estavamos nesta linda tarde no dentista e vimos a coruja lá em cima mas como estava com visitas deixamos para outra data em bate papo !! na foto somos aquele veleiro clássico ao fundo na sua foto do por do sol…tambem trabalhamos com Charter em Paraty e quando aparecer por lá estamos no Refugio das Caravelas …Um forte abraço ..João e Dani.

    Curtir

    • terça-feira, 15 fevereiro, 2011 @ 4:50 pm 4:50 pm

      Oi João! por sinal, uma belíssima embarcação. Parabéns.
      Mande um abraço ao Aldo.
      Nos veremos…
      Forte abraço a tripulação.
      Aurélio

      Curtir

    • sexta-feira, 18 março, 2011 @ 5:44 pm 5:44 pm

      João,

      Sim, eu notei vocês por lá. Na manhã seguinte, antes de ir pra Ilha Grande, passei do lado do Sonho, bem devagarzinho, mas não havia ninguém a bordo.
      Na próxima oportunidade não deixe de se chegar.
      Sabe que a turma apelidou a marina Refúgio das Caravelas de Refúgio dos Caras Velhos? Ô raça!
      Bons ventos sempre,

      Curtir

  6. terça-feira, 15 fevereiro, 2011 @ 4:46 pm 4:46 pm

    É isso aí Hélio!
    Ok. Como “celebridade” nem tanto, mas como marinheiro héim!
    Bons ventos ao Maracatu.
    Aurélio

    Curtir

    • sexta-feira, 18 março, 2011 @ 5:46 pm 5:46 pm

      Aurélio,

      Grato pelas fotos meu caro, mas da próxima vez vai levar bronca se não der as caras no MaraCatu. Ah se vai!
      Bons ventos procê também, sempre

      Curtir

  7. Rogerio Lino permalink
    terça-feira, 15 fevereiro, 2011 @ 7:45 pm 7:45 pm

    Um dos programas de fim de tarde com meus filhos é visitar as corujas aqui perto de casa. Garanto que desta espécie eles ainda não viram.! . . . Galerinha, olhem este novo modelo de coruja! heheh. Sureal. Abs Rogerio e turma do Muleke.

    Curtir

    • sexta-feira, 18 março, 2011 @ 5:57 pm 5:57 pm

      Rogerio,

      Existe mais espécies de corujas no ar do que aviões da Pan Air.
      Aurélio definiu direitinho, dois comentários abaixo, esta nova espécie. Com a resalva que o “vagabundis” não se refere à qualidade e sim à boa vida.
      Bons ventos procê e pra galerinha do Muleke,

      Curtir

  8. luis carlos permalink
    terça-feira, 15 fevereiro, 2011 @ 9:29 pm 9:29 pm

    raxei de rir!!!
    que coruja eh essa?!?!?!

    Curtir

    • quarta-feira, 16 fevereiro, 2011 @ 10:38 am 10:38 am

      Oi Luis e Rogério! essa é uma espécie chamada “Maracaturama nautilus vagabundis”, se alimenta de peixe, vento e gotas d´agua salgada, tem hábito de caçar fotos e fatos, vive de brisa e de blog; uma espécie em extinção e que deve ser preservada. Avise a “mulekada”.
      Ah! cuidado, é brava heim!
      Abraço do Aurélio

      Curtir

    • sexta-feira, 18 março, 2011 @ 6:05 pm 6:05 pm

      Luis,

      Rachou? Super Bonder resolve.
      Se não viu, vale uma espiada aqui:
      https://maracatublog.wordpress.com/2010/04/26/10-dicas-de-manutencao-rapida/

      Aurélio,

      Também rachei de rir (mas já colei) com a descrição da nova espécie de coruja. Mas né braba não, é mansinha, só bebe muito.

      Bons ventos pros dois, sempre

      Curtir

  9. Guilherme Maceió_AL permalink
    quarta-feira, 16 fevereiro, 2011 @ 12:38 pm 12:38 pm

    Rapaize, também estou gordinho agora, e já escalei o mastro do Moana (Catamarã aqui de Maceió). Pense num medo de cair lá de cima !! De o cabo não aguentar, etc !! Subo mais não, quero não, posso não, minha mulher num deixa não !!!
    Que lugar bacana, um dia eu vou aí !
    Abraços.

    Curtir

    • sexta-feira, 18 março, 2011 @ 6:09 pm 6:09 pm

      Pô Guilherme, uma adriça aguenta nós dois lá em cima (se bem que eu não curti esse “também” no gordinho acima).
      Pois eu subo sim, minha mulher não manda em mim (ela acha que manda, sabe?)
      Venha mesmo, isso aqui é bomdimais de estar de barco.

      Bons ventos sempre e um abarço pro seu xará,

      Curtir

  10. Cecilia permalink
    quinta-feira, 17 fevereiro, 2011 @ 9:11 am 9:11 am

    Hélio, ainda bem que as lanchas ainda não chegaram! Já pensou? Essa coruja já tem as suas asas devidamente aparadas pela Mara e iria ser catapultada! Vixi!!!

    Curtir

    • sexta-feira, 18 março, 2011 @ 6:16 pm 6:16 pm

      Ciça,

      Até que elas passaram pertinho, mas vai ver que me viram lá e diminuiram a velocidade.
      Que história é essa de Mara cortar minhas asas? Eu sou livre, leve e solto.
      Ela corta sim, meu cabelo e a barba. Aliás, cortou hoje. Se os barbeiros dependesse de mim, já teriam falidos, todos! A maquininha made in China já se pagou umas 5 vezes.
      Um cheiro e bons ventos sempre,

      Curtir

Em que você está pensando? Deixe seu pitaco.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: