Skip to content
Anúncios

5 programas obrigatórios em JP

sexta-feira, 23 março, 2012 @ 11:45 am

estacaociencia.jpg

Vamos começar por uma visita à Estação Ciências, Cultura e Artes, um projeto do arquiteto Oscar Niemeyer, fincado no altiplano do Cabo Branco. O espaço é tão bacana que o governo do Estado da Paraíba já está construindo um anexo, do outro lado da estrada para o Litoral Sul, de quase o dobro do tamanho do original.

praiabela.jpg

A orla da Paraíba se estende por pouco mais de 130 km de muitos cantinhos para curtir a preguiça à beira-mar. Um passeio de bugue pelas praias do Litoral Sul de João Pessoa é programa imperdível. Da Ponta do Seixas, “onde o sol nasce primeiro”, ao Rio Goiana, são 43 quilômetros de praias protegidas por arrecifes, leia-se piscinas naturais de águas mornas, espremidas por altas falésias e muito verde. A Praia Bela é uma delas. Mas tem outras mais belas ainda: Jacumã é a de maior muvuca, Carapibus é a mais desenvolvida da região – já tem até um resort, o Mussulo –, sua vizinha Tabatinga tem o visual mais bonito, enquanto Coqueirinho oferece um monte de barracas pé na areia. Já Tambaba é um caso à parte: é a mais bonita, mas fique logo sabendo que homens desacompanhados não entram – certo ou errado, é regra básica em muitas praias naturistas do Brasil.

fabioliane.jpg

zesantanasouza.jpgReserve a maior parte do tempo no Litoral Sul para a barraca do Zezinho em Barra de Gramame. A prainha tem somente uma vila de pescadores. De um lado tem a foz do Rio Gramame, que em sua barra forma uma piscina natural – quente naturalmente –, separada do mar por um banco de areia. Do outro, são algumas barracas espalhadas entre um coqueiral e as falésias vermelhas. José Santana de Souza, o Zezinho, se tornou famoso na área por domesticar… caranguejos! Com muito tempo livre, ele ficava vendo os bichinhos soltos, andando de lado pela casa, quando teve a ideia de treinar os guaiamus. Os que não aprendem vão pra panela com leite de coco e são verdadeiros pitéus. Eu, que sou comodista, em vez de me lambuzar quebrando a casca dura do bicho, prefiro na forma de caldinho, os famosos “ensopadinhos” paraibanos (tem também de peixe, ostra, camarão e, claro, feijão).

PraiaJacareNão vamos esquecer o por do sol no Jacaré, a famosa praia do Rio Paraíba, que está no município de Cabedelo, mas é “emendado” com João Pessoa. Na ultima vez que estive de barco por lá, passei quase quatro meses. No fim desse tempo já não aguentava mais escutar o Bolero de heliomaramangai.jpgRavel, a música tocada por Jurandir do Sax todos os dias, ao entardecer, desde 1999. Jurandir entrou para o Guiness, foram mais de quatro mil apresentações, acredito que ele tocou o Bolero mais que o próprio Ravel. Mesmo assim, ainda emociona.

O Mangai deixou de ser apenas um restaurante para ser um dos pontos turísticos de João Pessoa. O almoço lá é uma perdição, você escolhe o que comer em quase 100 variedades, se descontrola e quando vai pesar o prato pode chegar fácil-fácil a um quilo: tem ricota catolé, gororoba de carne de charque, carne de sol com nata de leite, suvaco de cobra, queijo coalho assado e mais uma penca de quitutes.

A foto ao lado, tirada pelo colega blogueiro Nelson, do Diário do Avoante, foi tirada no Mangai de Natal, mas a rede está se expandindo a passos largos, hoje já tem um pé em Brasília e daqui a pouco tem outro em Miami.

As fotos são antigas, de outros carnavais, mas os programas são atuais. Eu recomendo.

Anúncios
4 Comentários leave one →
  1. sexta-feira, 23 março, 2012 @ 12:15 pm 12:15 pm

    Suvaco de cobra???? Que raio é isso, oh grande guru?!

    Curtir

  2. José Torquette permalink
    sexta-feira, 23 março, 2012 @ 2:55 pm 2:55 pm

    Gororoba de charque eu até imagino o que pode ser, mas o suvaco da cobra eu não consegui encontrar.

    Curtir

  3. miriam permalink
    sexta-feira, 23 março, 2012 @ 6:37 pm 6:37 pm

    Rapaiz, foi ver o neto e nenhuma, nenhuminha foto da criança? Fala sério vô! Cadê a foto do menino???????

    Curtir

  4. sexta-feira, 6 abril, 2012 @ 1:30 pm 1:30 pm

    Juca e José,

    O suvaco de cobra, que não tem nada de cobra, eu garanto, é como a paçoca – é uma iguaria preparada com carne de sol moída com bastante cebola e milho.
    Eu recomendo.

    Miroca,

    Já publique uma fotinha do Miguel aqui: http://maracatublog.com/2012/01/18/miguel-chegou/
    As outras te mostro pessoalmente. Posso garantir que ele está muito fofinho.

    Bons ventos sempre, pros três

    Curtir

Em que você está pensando? Deixe seu pitaco.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: